Dinheiro compra pão, mas não compra gratidão... 
Entrar    Registo




Calendário Fiscal em Portugal para 2024

Tamanho da letra:    Reduzir o tipo de letra  Restaurar o tamanho original  Aumentar o tipo de letra 
596

Conhecer o calendário fiscal é essencial para que as famílias se preparem para o pagamento dos impostos. Aqui está um guia detalhado sobre o que esperar em 2024.

Calendário Fiscal: IRS (Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares)
  • Até 15 de Fevereiro: Comunicar alterações no agregado familiar que ocorreram até 31 de dezembro do ano anterior.
  • Até 15 de Fevereiro: Informar sobre dependentes que estudem e tenham obtido rendimentos de trabalho por conta de outrém até 2.546,3 euros em 2023.
  • Até 26 de Fevereiro: Validar e confirmar despesas na página do e-fatura.
  • A partir de 16 de Março: Consultar o valor das despesas para dedução à coleta no Portal das Finanças.
  • 16 a 31 de Março: Período para reclamar sobre o cálculo das deduções à coleta e informar sobre a consignação do IRS e/ou do IVA.
  • 1 de Abril a 30 de Junho: Prazo para entrega da declaração de IRS.
Pagamentos por Conta (Trabalhadores Independentes)
  • 22 de Julho,
  • 20 de Setembro,
  • 20 de Dezembro: Datas para efetuar os três pagamentos por conta.
Aqui tem calendario obrigações declarativas em 2024

 
Calendário Fiscal: IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis) 
 
Até 31 de Maio: Pagamento do IMI para valores iguais ou inferiores a 100€.
Até 31 de Maio e 2 de Setembro: Duas prestações para valores entre 100€ e 500€.
Maio, Novembro, 2 de Dezembro: Três prestações para valores superiores a 500€.

Calendário Fiscal: IUC (Imposto Único de Circulação)

 
Até o último dia do mês do aniversário da matrícula: Pagamento do Imposto Único de Circulação (IUC) para cada veículo.

 
Aqui tem calendario obrigações de pagamento em 2024



Manter-se informado sobre estas datas é crucial para evitar penalizações e gerir eficazmente o orçamento familiar. 

A preparação antecipada e o conhecimento do calendário fiscal são muito importante para cumprir com as obrigações fiscais em Portugal.

Na elaboração do material foram utilizados dados do site https://info.portaldasfinancas.gov.pt


Fonte: https://infobank.pt


Deixar um comentário
Sem comentários